A GRANDE VIRADA - Hilda Mendonça

O livro A Grande Virada tem como tempo cronológico o ano de 1999, ano da virada para 2000, o cenário é parte em uma pequena cidade de Minas Gerais e Brasília. É a história da médica Paula e do músico Fernando, casal por amor (Eros) e depois vivenciam o amor perdão (Ágape).

Alguns comentários sobre obras da autora: “O livro Ceia de Natal conta histórias presenciadas por Hilda Mendonça em sua juventude. No livro, Biase é um jovem que, após ver o pai ser preso na noite de Natal, investe na militância estudantil de Ribeirão Preto/SP, nos anos setenta...”
Folha de São Paulo, 12/09/96.

“Hilda tem estilo próprio e usa recursos tirados de sua vivência e observação pessoal, ao cultivar um gênero como o conto, dos mais explorados e também dos mais difíceis”.
Francisco Soares de Melo, Jornal O Sudoeste - Passos/MG.

“Em Redemoinho do Tempo, os dez contos que formam este livro, ao mesmo tempo que são histórias díspares e isoladas entre si, também podem ser fragmentos de uma só história, cujo universo precípuo, motivador, estará sempre reduzido ao universo incompreensível e avassalador das personagens descritas em cada circunstância da vida...”
João Carlos Taveira, poeta e crítico literário, Brasília/DF.

“A fluência narrativa e as particularidades do pensamento de cada figurante de seus contos, são características atenciosamente observadas por Hilda Mendonça na sua arte de delinear o Brasil...”
Julio Cesar Arraes, Montreal – Canadá.

“... Hilda Mendonça cunha com determinação e ousadia em suas criações, salvaguardados desta estrada poeirenta da vida....”
Danilo Guibert, escritor, São Pedro/MA.

“... declaramos pelo presente que o Juri do Concurso Literário, 1992, da Fundação Cultural do Distrito Federal, considerou Ceia de Natal de Hilda Mendonça, uma obra de indiscutível qualidade literária...”
Maria Luiza Dornas, Diretora Executiva da Fundação Cultural do DF.

“Bastidores do Regime Militar brasileiro (1964 a 1985)... A adoção do livro Ceia de Natal de Hilda Mendonça, nas escolas públicas de Brasília, faz parte do projeto Leitor Criador. É um livro pequeno e fácil de ser lido, é diferente, faz parte da história recente do Brasil vir à tona”. Explica o secretário de Educação, Antonio Ibanez, que também diz estar lendo a obra, Jornal de Brasília-14-08-96.

“Ler os contos de Hilda Mendonça é viajar no tempo e no espaço, é andar por cidades pequenas e esquecidas, conhecer pessoas simples e isoladas, que vivem sonhos e pesadelos em seus mundinhos pobres e apertados. Mas esses contos têm a verdade da vida, verdade que o talento da autora faz brotar magicamente.”
Douglas Tufano, Professor e autor de livros didáticos e paradidáticos na área de Literatura.

“Jatanay, de Hilda Mendonça, é uma original e lúdica fábula, que seguindo a lenta caminhada da tartaruga sábia, dá aos pequenos leitores uma grande e sábia lição, a da existência do Tempo, do qual depende tudo o que acontece no Universo e no mundo de cada um.”
Nelly Novaes Coelho, Professora, Dicionarista e escritora.

“Hilda Mendonça é daquelas mulheres fortes, determinadas. "Eu não desisto" faz parte de seu vocabulário. Este livro é um ótimo exemplo desse seu pragmatismo. Suas histórias cativam pelo jeitão simples que se expressam. Ao ler um livro seu, parece que você está conversando com a autora, não lendo um texto. A leitura flui deliciosamente, calmamente...”
William França, jornalista, Câmara dos Deputados, Brasília/DF.

“Não antecipo comentários da trama em respeito aos perleúdos, pois as menores pistas antecipam o enredo, desencantando-lhes a expectação dos acontecimentos. As personagens principais são a médica Paula e o músico Fernando, casal por amor (Eros) e ex-casal que, nesta condição, experimentaram o amor (Ágape). Tanto sentimento engendra emoção na estória.”
Dimas Ferreira Lopes

Serviço:

A Grande Virada
Hilda Mendonça
Scortecci Editora
Ficção
ISBN 978-85-366-1733-6
Formato 14 x 21 cm 
204 páginas
1ª edição - 2012
Preço: R$ 35,00

 
 
Voltar Topo Indicar a um amigo Imprimir
 

Portal do Escritor 
Divulgação de Autores e Livros da Scortecci

FALE CONOSCO

 
Nipotech