PEQUENO SERTANEJO / Manoel de Castro Carneiro Neto

Um menino que cresce no sertão, observando e aprendendo com cada experiência e buscando, na pureza de seu olhar, compreender os porquês de tanta miséria e sofrimento, ao tempo em que se diverte com as descobertas da vida. Um menino que surge criança e, no decorrer dos contos, vai crescendo e descobrindo amores e trapaças. Um primeiro gol num campeonato de várzea. Um primeiro amigo. A primeira festa. Um primeiro beijo. Aos poucos ele se torna um menino crescido e consciente de suas verdades... conto a conto... Um menino como qualquer outro que, no universo criado pelo autor, se transforma em um personagem cheio de aprendizados e ensinamentos...

Trata-se, definitivamente, de uma obra inacabada. São quinze contos que poderiam se tornar romances, ora nos arrancando gargalhadas, ora nos fazendo chorar. O universo criado pelo autor nos permite, em cada conto, vivenciar momentos que só quem conhece o dia a dia do campo poderia sentir. Muito embora seja uma obra de ficção, é incrível a sensação de que estamos inseridos nesse mundo imaginário, tamanha a capacidade de envolver o leitor e trazê-lo para o mundo de esperanças e desencantos que existe no sertão brasileiro. O autor faz isso com sutileza e precisão. Encontramos algumas preciosidades nesse livro. “Alexandre” é definitivamente emocionante. “Um dia perfeito” é quase um pequeno romance, tamanha a complexidade ali sintetizada. Impossível não gritarmos “gol” em “O jogador”. O envolvimento nostálgico que temos com o menino pré-adolescente em “Um menino na noite do sertão” e “Escolha de vida” é envolvente. “Zeus” é impactante e angustiante. Enfim, cada um dos contos tem um sabor especial e todos se complementam em uma obra marcante.

Manoel de Castro Carneiro Neto é professor, músico, advogado e escritor. Nascido em Fortaleza em 1981, mora em Sobral desde a segunda parte de sua infância, tendo recebido o título de cidadania sobralense em 2014. Cresceu no ambiente do sertão, onde morou enquanto criança. Doutor em Ciências Jurídicas e Sociais, é professor universitário desde 2004, lecionando na área jurídica desde então. Como músico, integrou o coral de cordas do Curso de Música da Universidade Federal do Ceará. Advogado desde 2003, tem atuado em centenas de ações nas áreas cível, trabalhista, previdenciária e eleitoral. Pequeno sertanejo é o primeiro livro de contos do autor, que já possui alguns capítulos de livros, além de dezenas de artigos e materiais jornalísticos publicados. É membro da Academia Sobralense de Letras Jurídicas – ASLEJUR e da Academia Sobralense de Estudos e Letras – ASEL.

Serviço:

Pequeno Sertanejo
Manoel de Castro Carneiro Neto

Scortecci Editora
Contos
ISBN 978-85-366-5440-9
Formato 14 x 21 cm 
144 páginas
1ª edição - 2018
Preço: R$ 36,00

Voltar Topo Enviar a um amigo Imprimir Home