VIAJANDO NAS LEMBRANÇAS / Marilina Baccarat de Almeida Leão

Ao longo da vida, perguntamos a nós mesmos: O que estaríamos fazendo, ali, no mundo das lembranças? Momentos muito diferentes do mundo real. Lembranças, que ficaram gravadas, em nossa memória, para sempre. Um mundo diferente é o das lembranças, que se completa e é compatível com o mundo real. Assim, é o viajar pelas lembranças... Passa tão rápido que não nos damos conta do tempo... A viagem, pelas lembranças, apesar de ser longa, parece que tudo aconteceu ontem...

Quando viajamos pelas lembranças, sentimos que a vida passa em câmera lenta, como se não tivesse fim. Todos nós, em algum momento da vida, nos encontramos com as lembranças, que nos fazem lembrar algo... A lembrança pode ser recordada por uma simples palavra, um gesto, um perfume, uma foto, um lugar. Coisas infinitas, que nos levam a viajar pelas lembranças. Este livro nos mostra que vai valer a pena fazer essa viagem pelas lembranças.

Descendente de franceses, a autora nasceu em São Paulo, capital, onde viveu sua infância e juventude. Seu avô, José Baccarat, foi delegado e prefeito de Santos (SP), na década de quarenta. Atualmente, reside em Londrina (PR), a nossa pequena Londres, onde vive com seu marido, José Almeida Leão ? advogado aposentado do Banco do Brasil e professor aposentado do curso de Direito da Universidade Estadual de Londrina. Nas Artes, foi professora de música clássica e canto erudito, com especialização em órgão, e  é afiliada à REBRA ? Rede de Escritoras Brasileiras, à AJEB ? Associação de Jornalistas e Escritoras do Brasil e membro da ALG ? Academia de Letras de Goiás. No dia 27 de junho de 2014, foi nomeada como Acadêmica Imortal pela Academia de Ciências, Letras e Artes de Vitória ? ES, em reconhecimento de seu trabalho artístico desenvolvido ao longo de sua carreira.

Quando caminhamos despreocupados, pelas lembranças, que temos de tudo o que passou, o tempo, para nós, não tem tempo... Olhamos para quem está ao nosso lado, e, imediatamente, olhamos, profundamente, para o íntimo de nós mesmos. Pelas lembranças, temos o tempo necessário para olharmos o caminho, as flores, o céu azul... Um olhar, muitas vezes, crítico, questionador, mas, um olhar, que sabe admirar as lembranças por onde passa o nosso pensamento. Longe de tudo, caminhamos bem longe do tempo, sentindo a natureza, o perfume das flores, longe dos problemas do cotidiano, mas, perto do saber caminhar com as nossas lembranças, sentindo, no âmago, essa vontade de poder lembrar do tempo, sentindo-o junto a nós.

Ao caminharmos pelas lembranças do nosso pensar, o tempo nos perguntará: ? Quem somos, por onde andamos? Andamos à procura de lembranças, e, em nosso lembrar, estamos em busca do futuro, que, quiçá, poderá não existir... Gostaríamos de deixar o mundo mais belo, com mais lembranças de amor. Seria isso possível?... Creio que sim, pois, tudo dependerá do nosso imaginar, observando tudo, durante o nosso caminhar pelas lembranças.
Marilina

Serviço:

Viajando Nas Lembranças
Marilina Baccarat de Almeida Leão

Scortecci Editora
Crônicas
ISBN 978-85-366-3970-3
Formato 14 x 21 cm 
216 páginas
1ª edição - 2014
Preço: R$ 36,00

Voltar Topo Enviar a um amigo Imprimir Home