43 TERNURAS - ANTOLOGIA FAMILIAR / Vários Autores

Este desafio, há muito sonhado, só tornou-se possível pela perseguição de um ideal. O caminho da execução desta obra foi percorrido com grande interação de consciência familiar, onde os conselhos, aforismos, máximas, vivências, tornaram-se imprescindíveis para compor uma vida humana integral, e o que é melhor, para compor este livro, agora, uma realidade valorosa.

A DIVERSIDADE LINGUÍSTICA ENTRE POLICIAIS MILITARES E BANDIDOS / Antonio Monteiro

O autor neste livro, nos ensina a diversidade entre Policiais Militares e Bandidos dos mais diversos rincões do Brasil, com suas diferenças regionais e culturais, marcadas no comportamento,na ação e, sobretudo, na linguagem. O empreendimento deste livro implicou um périplo nacional em busca dos  dizeres e falares dos PMs e bandidos, em 27 anos de pesquisa, com passagem por vários estados da federação.

À FLOR DO CERRADO / Carlos Magno Sena

Relato das vivências do autor com o povo do Cerrado de Minas Gerais, região de Grão Mogol, onde ele percebeu o quão grande era sua omissão perante a sociedade dos excluídos. Carlos Magno Sena se faz múltiplo: bombeiro, paraquedista, cantor, escritor, ator, músico, pintor, fotógrafo, sem contar o talento que tem para fabricar brinquedos e móveis com caixotes de feira.

BRANCO DE UBU / Gustavo Felipe Monteiro de Castro

Branco de Ubu, um simples filho de pescadores do Espírito Santo, mostra, com sua vida despretensiosa,  que a humildade e a glória podem conviver em perfeita harmonia. O relato, repleto de fatos inesperados, demonstra que nem sempre a vida nos conduz por caminhos previsíveis. Um simples dia pode mudar a história da humanidade.

 

CAMINHANDO ENTRE TRECHOS E TRECHOS... / Renata Carone Sborgia

Caminhando Entre Trechos e Trechos de Renata Carone Sborgia traz trechos inspirados em sentimentos do coração que enxerga na espreita da vida. Em cada página, o leitor, poderá caminhar ao seu bel-prazer com os trechos... e no final se surpreender por ter sido tocado de alguma forma por um deles!!!

CARTAS AOS MEUS NETOS / Abrahão José Kfouri Filho

O livro contém 21 cartas dirigidas aos dois netos do escritor, versando sobre diferentes temas que o futuro lhes reserva, alertando-os e orientando-os sobre como proceder para enfrentar, com ética, honra e disciplina, as delicadas situações a que fatalmente a vida os exporá.

CLONE PARA O AMOR / Eliana Capuano

Jovem médico-cientista, durante confinamento em seu laboratório particular para tratamento terapêutico experimental e proibido por lei em seu paciente que morrerá se não o fizer,apaixona-se platonicamente pela esposa dele. A vocação para escrever de Eliana Capuano despertou na faculdade de direito, nos treinos seminaristas ainda no 1º ano.

CRIMES TROPICAIS / Ricardo Alcântara

Sob o pretexto de traçar o retrato do momento que vive em seu país, o imaginário arquipélago caribenho de Santa cruz, o jornalista Lino Linard escreve uma série de reportagens com o perfil de pessoas que conquistaram fortuna e poder agindo à margem das leis em uma sociedade excludente: uma cafetina, um pastor pentecostal, um empreiteiro, um ídolo do futebol, uma sequestradora e um contrabandista. Uma história latino-americana, exuberante e violenta.

DIÁLOGO DO REI E DO RÉU / Jorge Lescano

Florisbelo desceu da pedra de onde discursara. A massa de camponeses, armados com suas ferramentas e uma ou outra faca, gritou um ?Viva!? poderoso. Estavam determinados a ocupar as terras dos nobres, mesmo que para isso corressem perigo de morte. De qualquer forma, tinham chegado à conclusão de que não havia nada a perder. Seus grandes chapéus brancos reluziam embaixo do sol.

EU SOU O ESCRITOR / Ronaldo E. Coelho

Ronaldo E. Coelho é Cidadão de Alcobaça na Bahia onde tem domicílio. Artista plástico e escritor desde sempre, atuou em muitos trabalhos sociais sempre com cursos de pintura e a questão da literatura; acredita piamente que não se dissociam literatura, arte e artesanato, fotografia, música e natureza; uma coisa sempre leva à outra, ou seja, não existe bela música que não tenha sido inspirada em belo texto.

FAGULHAS / Filemon F. Martins

Filemon Francisco Martins, de Ipupiara - BA, nasceu em 17/01/1950 e escreveu, entre outros, Flores do Meu Jardim (Poemas - 1997 - Opção2), Anseios do Coração (Poemas, sonetos e trovas - 2011 - Scortecci), Dicionário Genealógico da Família Ribeiro Martins (Editora Kelps - 2007) em coautoria com Mário Ribeiro Martins. É filho de Adão Francisco Martins e Francolina Ribeiro Martins.

GOL! / Jorge Lescano

Relatos com motivos de futebol. As formas destes relatos assumem gêneros diversos: a crônica, o conto, a resenha esportiva, etc. Sobre o pano de fundo do futebol se desenrolam temas clássicos: o duplo, a loucura, a memória da infância, a rebelião política, etc.. As narrativas revelam a presença do futebol no cotidiano dos personagens captados em momentos cruciais da existência. 

JORNADA RUMO AO SOL / Jorge Xerxes

Se Ícaro tivesse voado rumo ao Sol ? suposto ter vencido a gravidade da Terra ? como teria sido o seu fim? O Sol deve tê-lo consumido sem dó nem piedade. Transformado a massa de outrora num produto mais sutil. Fragmentos: imagens, lembranças, sonhos e outras sensações estéticas. Aquilo que denominamos poesia por pura impossibilidade de capturá-lo por inteiro. Isso, estes blocos elementares que compõem o sujeito, são os veículos propostos neste livro. Para a sua própria Jornada Rumo ao Sol.

LITERATURA BRASILEIRA - DO ÁTOMO AO BIT / Roseli Gimenes

A obra coloca em destaque o percurso da literatura brasileira considerando escrituras, principalmente, a partir do século XIX, de caráter de invenção, como as Memórias póstumas de Brás Cubas, de Machado de Assis, analisando diacrônica e sincronicamente obras e autores como Gregório de Matos, no Barroco, Tomás Antônio Gonzaga, no Arcadismo, e Oswald de Andrade, no Modernismo, observando qualidades de literatura de invenção; passando ao contemporâneo pela obra A festa, de Ivan Ângelo, apostando em sua interatividade ainda em livro impresso, à ciberliteratura de Clarah Averbuck, nas redes sociais, e à poesia concreta e digital de Augusto de Campos, aliada às novas tecnologias digitais.

O CONSTRUTOR DE AMIGOS / Roswyta Ribeiro

Este livro embrionário é um tributo ao carinho, a singeleza da amizade das gentes de minha terra e à sofisticação das  montanhas de Minas. Em "O CONSTRUTOR DE AMIGOS  Príncipe e Poeta Que Reina Além das Montanhas"  atribuímos valores para viver em sociedade, com respeito, onde a arte da boa amizade é aplicada de maneira justa e generosa.

O VELEJADOR / Alika Finotti

Uma Jornada em busca de expansão da consciência e de conexão divina. Uma fusão de conhecimentos poética, filosófica, psicodélica, científica e espiritual. Escrito pelo autor com 21 anos de idade, entre 2005 e 2006, O VELEJADOR retrata a juventude da virada do milênio, que luta por um propósito maior em meio ao advento das realidades virtuais e dos paradigmas que definiram a década.

ONDE FOI QUE NÓS PARAMOS? / Rejane Machado

Comentários leves, em linguagem descontraída, sobre fatos comuns da vida: memorabilias,"fait-divers", observações sobre o cotidiano envolvendo música, literatura, uma pitada de filosofia, episódios cômicos da vida em família, um pouco de crítica literária-com uma visão positiva e alegre da vida. Nasci no Rio, amo montanhas e matas que temos em quantidade, para dar e vender. Professora, escrevo contos, inclusive para os miúdos, romances, crônicas, mas minha paixão é o ensaio e a crítica literária.

ORQUESTRA DE PASSARINHOS: HAICAIS / Antonio Marcos Amorim

Esta é uma obra reunindo cerca de 450 haicais, e refletem diferentes momentos da criação do autor, indo dos clássicos da escola tradicional haicaísta que remontam aos mestres japoneses dos séculos XVI a XVIII (Bashô, Buson e Issa) aos tempos atuais, com a maior singeleza e simplicidade possível, num estilo único que é o haicai.

PALAVRAS SOLTAS / Rodrigo Mendes Rosa

A poesia de Rodrigo Rosa esconde na ironia a contradição do cotidiano numa espécie de intervenção de uma realidade, que surge como que acusando a pretensão de ordem e beleza de nossa civilização, como que incomodando e interrompendo a ordem estética. A poética de Rosa é como um transeunte morador de rua que adentra uma festa de alta classe em uma capital qualquer desse país de contrastes.

PARTES DE UM TODO / Osmar Zumpano

Esta é uma obra cujo teor maior está voltado para o cotidiano das famílias. Há todo um título que lhe é dedicado, especificamente. Outros, quando não, também lhe haverão de servir, ainda que indiretamente. Assim, aqui e acolá, em todos os temas estarão palavras de esclarecimento, sinais de alerta, orientação pedagógica e exemplos (vivenciados ou não) que poderão servir como base para uma tomada ou retomada de posições.

POR QUE AINDA SE CRÊ EM QUIMERAS? / Luiz Scaff

O autor mais uma vez deixa livres seus pensamentos e ideias, agora em uma abordagem sobre um tema extremamente polêmico: religiões e deuses. Com um estilo característico e pela dinâmica do livro, é uma leitura que vai balançar antigos conceitos e levar o leitor a um exame crítico de seus pensamentos.

PRÁTICAS DE LETRAMENTOS / Maria Lúcia Souza Castro

Esta publicação resulta de vários anos de pesquisa e de prática docente no ensino de Língua Portuguesa em curso de Licenciatura na Universidade do Estado da Bahia – UNEB. A oportunidade de concretizá-la se apresentou com a execução do Projeto de Estágio Pós-Doutoral no Programa de Pós-Graduação em Linguística da Universidade de Brasília – PPGL/UnB, sob a supervisão da Profa. Dra. Stella Maris Bortoni-Ricardo.

PRÓLOGO /Fábio Diógenes

Essa malha que nos envolve é um pouco de tudo que sobrou, não que seja resto, digo sobra porque é exatamente isso. Jamais a festa fora feita para tantos, os desígnios divinos vão à comunhão com os tais escolhidos, não estão na mesma linha que nos une, por outro lado, caminham sobre nós e sorriem do nosso destino.

RELATOS DE UMA ADOLESCENTE EX-VICIADA EM DROGAS / Joana D'Arc

Relatos de uma adolescente ex-viciada em drogas, novo livro de Joana D?Arc, é baseado em fatos reais e conta a trajetória de uma garota que, aos treze anos de idade, movida por uma crise existencial, fato bastante comum na adolescência, envereda pelo mundo das drogas, deixando para trás a escola e a família. Para manter o vício e a dependência, a garota vai viver numa favela e torna-se prostituta.

RELICÁRIO DA ESPERANÇA / Esperança Arruez Negrão

A paranaense Esperança Arruez Negrão resolveu reunir os vários textos que escreveu ao longo de seus 85 anos de vida ? desde a década de 60 até os dias atuais ? e transformá-los em um livro que pudesse atingir pessoas de todas as idades com uma inspiradora coletânea de mensagens sobre esperança, fé, amor, amizade e alegria. O resultado transformou-se no Relicário da Esperança.

RINCÃO DOS CANÁRIOS / Desiderium

Mário Quintana escreveu: ?O passado não reconhece o seu lugar: está sempre presente?. Sabemos que o presente é um fugidio instante que está sempre se transmutando em passado. O leitor encontrará na narrativa sobre os personagens deste livro uma constante mistura de pretéritos que insistem em estarem presentes. Na Física Relativística a dialética sobre a dualidade espaço-tempo é perturbadora.

SAMBA NO ESCURO / Caio Augusto Leite

O escrever posto em cena, dissolvido e reagrupado num misto de caleidoscópio e luneta que busca aproximar-se da vontade primeira, do ato criador. Pensamentos, cenas vividas, obras de arte, tudo circula no empenho de chegar. É possível as palavras darem conta do mundo?

 

SEM RASTROS, SEM VESTÍGIOS / Alberto de Castro

Gostaria de levar você, caro leitor, a uma viagem leve, solta, e tentar levá-lo a descobrir um mundo novo. Quero estimular a sua curiosidade e mostrar que podemos ter um olhar diferente para algo que já foi visto e uma nova opinião sobre algo que já foi pensado.

SOBRE O MUNDO / Danielli Kolossoski

Neste livro, depois de muitas observações, análises e vivências, a autora passa a sua visão de mundo. Tão peculiar como se enxergasse através de uma grande luz ótica onde muitos podem ver, mas poucos conseguem enxergar. Amores tórridos, não correspondidos e uma análise nefasta de nossa atual sociedade.
Danielli Kolossoski Branco

TERRA NAVEGAÇÃO E CULTURA DE PAZ / Marizia Cezar

Transcrição da averiguação experimental dos emails sob escrita automática enviados para a rádio Antena I PT, desde início de 2016 até a COPA EURO, narrativa/ Epopéia, simultaneamente, ou, em sincronicidade, texto elaborado com o Inconsciente Pessoal interativo com o Inconsciente Coletivo, com recursos cabalísticos em associação dos valores das letras dos nomes próprios e lugares (estádios, cidades) e com os números das camisolas-nessa medição do Tempo (hora e minuto) a NAVEGAÇÃO online traz os resultados do sucesso para a avaliação do público.

TROVEJO DE TROVAS / João Gomes da Silveira

A trova, também dita quadra ou quadrinha, traz fortíssimo apelo e preferência populares. Grandes poetas, de Camões a Fernando Pessoa e Drummond, todos a cultivaram. Entre tantos trovadores brasileiros, citemos Adelmar Tavares, Amadeu Amaral, Belmiro Braga, Antônio Sales e J. G. de Araújo Jorge.

VOCÊ ACREDITA EM DESTINO? / Waldomiro da Silva Prado

História de vida baseada no autor, que procura encorajar as pessoas a lutar, acreditar no seu próprio potencial por meio de perseverança, trabalho, dedicação e Fé. Não ficar esperando as coisas cair do céu, ir a luta com garra e determinação. Todos conseguem, não basta somente sonhar. Temos que ter coragem para fazer dos nossos sonhos uma realidade. Fé não poder faltar.

Voltar Topo Enviar a um amigo Imprimir Home