Solange Carneiro - Autora de: A SALSICHA E A FLOR

Solange Carneiro, chamada carinhosamente de Sol, nasceu em São Paulo, mas é peruíbense de coração e vive atualmente no Reino Unido, onde trabalha como terapeuta integrativa. Desde os 12 anos a escrita foi sua eterna companheira, atravessando a juventude e a vida adulta. Escreve crônicas poéticas, relatos e reflexões sobre a vida. É apaixonada pelo mar, pela natureza, filosofia, fotografia e música.

A salsicha e a flor
A Salsicha e a Flor é um livro de histórias, ilustrações e lembranças de uma infância de sonhos.
Solange Carneiro mistura leitura e invenção para que pais e filhos, avós e netos, tios e sobrinhos possam curtir juntos. Vale a pena folhear cada página e deixar a imaginação voar.

.

Entrevista

Olá Solange. É um prazer contar com a sua participação no Portal do Escritor

Do que trata o seu Livro?
A Salsicha e a Flor é um livro infantil, e conta a história da amizade entre dois personagens bem diferentes, uma salsicha e uma flor.

Como surgiu a ideia de escrevê-lo e qual o público que se destina sua obra?
A história surgiu naturalmente quando meus sobrinhos eram pequenos e sedentos por aventuras e histórias.

Fale de você e de seus projetos no mundo das letras. É o primeiro livro de muitos ou apenas o sonho realizado de plantar uma árvore, ter um filho e escrever um Livro?
A Salsicha e a Flor é o meu 4º projeto. O primeiro foi em 1987, um livro de crônicas poéticas. O 2º foi um projeto em conjunto com vários autores, sobre a mudança de rota profissional/vida, 3º uma coletânea da Scortecci – Poemas. E outros virão...

O que você acha da vida de escritor em um Brasil com poucos leitores e onde a leitura é pouco valorizada?
A escrita em português não se limita ao Brasil, onde quando falamos de Brasil, é um espaço muito grande e difícil de mensurar, depende realmente do público que queremos atingir e acredito que há espaço para a literatura também fora do Brasil, em Portugal por exemplo.

Como você ficou sabendo e chegou até a Scortecci Editora?
Através de uma outra autora Sylvia Mader.

O seu livro merece ser lido? Por quê? Alguma mensagem especial para seus leitores?
É um livro de fácil leitura, leve, engraçado que abre espaço para a imaginação e o trabalho com as diferenças. As ilustrações são muito fofas e abre espaço para trabalhar a imaginação. A imaginação é um portal para a criação de um mundo melhor.

Maria Cristina Andersen
Revista do Livro

Curta nossa página no Facebook
Facebook

Voltar Topo Enviar a um amigo Imprimir Home