NOVOS CICLOS DA MINHA EXISTÊNCIA / Laércio da Silva Vieira

Com Novos ciclos da minha existência, Laércio da Silva Vieira dá sequência à história de sua vida, iniciada com a publicação de Fases da minha vida, que representou ao mesmo tempo o fim e o início de etapas importantes de sua existência. Suas narrativas, repletas de momentos de alegria, tristeza, força, superação e também momentos cômicos, como que para amenizar os dissabores que a vida coloca para todos nós, mostram, como o autor sempre diz, que “na estrada da vida do homem, tudo é relativo e proporcional à extensão de suas forças e necessidades”.

Oh, querido Morro Agudo!
Em ti vivo a pensar,
Sinto saudade dessa terra
De entre as serras
Madureira e Tinguá!
Laércio da Silva Vieira

Capa: Praça Evaristo Lobato, tendo ao fundo a Serra de Madureira. Foto: acervo pessoal.

Laércio da Silva Vieira nasceu em Morro Agudo, atual Comendador Soares, distrito do município de Nova Iguaçu (RJ), em 7 de novembro de 1935, filho de Manoel Dias Vieira e Albertina da Silva Vieira. Sempre demonstrou interesse pelos estudos. Frequentava as aulas com assiduidade, sonhando algum dia ter condições que lhe permitissem chegar ao nível superior. Seu primeiro trabalho foi ajudando seu pai em um salão de cabeleireiro masculino, quando tinha 14 anos, e lá ficou até os 18. A partir daí, sentiu forte desejo de ser bancário e trabalhou no Banco Nacional de Minas Gerais durante 27 anos. Enquanto ainda bancário, já com melhores condições financeiras, teve como pagar uma faculdade, vindo a formar-se em Direito, na primeira turma da Universidade Iguaçu (UNIG), em 1978. Em abril de 1984, por iniciativa própria, fez acordo com o Banco Nacional e tornou-se comerciante a partir de maio do mesmo ano, no ramo de Armazém – Comestíveis, cuja atividade durou pouco mais de um ano. E foi aí, nesse armazém, que Laércio foi inspirado a escrever sobre a própria vida. A princípio, sua intenção era tão somente expor sua narrativa, extravasar seus sentimentos, sem esperar qualquer retorno em seu próprio benefício. Começou a escrever em 1984; quando já havia contraído seu segundo matrimônio, a preparação da obra sofreu uma interrupção, de 1997 a julho de 2018, quando sua consorte deixou a vida terrena. A partir de março de 2019, porém, o autor teve uma forte intuição para concluir a obra e publicá-la. Como resultado dessa inspiração, veio Fases da minha vida, que o autor terminou de escrever em novembro de 2019 e publicou no primeiro semestre de 2020, e agora Novos ciclos da minha existência, cuja elaboração foi concluída pelo autor em abril de 2020. Com a publicação de suas obras, Laércio tem o fim precípuo de, com o resultado positivo que espera, contribuir com bolsa alimento para tantas famílias necessitadas, por consequência da forte crise de desemprego que assola o país e tem levado ao desespero tantas mães e tantos pais ao verem os filhos sofrendo, chorando, pedindo um prato de comida para saciar a fome. Essa fome, essa miséria são, sem dúvida, resultado do progresso com o advento da informática, a principal causa do desemprego no país e no mundo. Eis a razão pela qual o autor pede, ou melhor, suplica aos leitores e leitoras, de todas as classes sociais, a adquirirem um exemplar desta humilde obra, cuja renda arrecadada com a venda será convertida em alimento para famílias necessitadas, as quais também agradecem pelo seu generoso ato de amor ao próximo e de caridade, dizendo: Abundantemente Deus os recompensará.

Serviço:

Novos Ciclos da Minha Existência
Laércio da Silva Vieira
Scortecci Editora
Biografia
ISBN 978-65-5529-242-8
Formato 14 x 21 cm 
140 páginas
1ª edição - 2020
Preço: R$ 40,00

Voltar Topo Enviar a um amigo Imprimir Home