Vicente Camerano

Vicente Camerano nasceu em Barra do Piraí, estado do Rio de Janeiro, em 23 de dezembro de 1930 e por lá viveu sua juventude. Aos 23 anos casou-se com Heda e mudou-se para a capital de São Paulo, que adotou como sua terra natal, sem jamais esquecer suas origens fluminenses.
Com muito trabalho e sacrifício, conseguiu vencer na cidade grande, trabalhando quase que a vida inteira na indústria automobilística, como a Simca, depois a Chrysler, e finalmente a Volkswagen.
Por volta dos 55 anos, começou a receber mensagens que ele dizia vir de um anjo, em forma de letras de músicas, poesias, conselhos, e por fim em forma de texto contínuo que originou esta obra. Demorou muitos anos para ficar pronta, já que ela vivia em repetidos processos de revisão. Pouco antes de falecer, notava-se a preocupação do autor em publicar este livro, porque, dizia ele, diversas previsões recebidas há algum tempo estavam acontecendo realmente. Mas não foi possível. Camerano, como era mais conhecido entre os amigos, faleceu em setembro de 2012, durante o princípio das negociações para a publicação. Desejamos que, esteja onde estiver, ele possa curtir e ver realizado talvez seu último desejo.
Sueli Camerano

Dialogando com um Anjo
No formato de perguntas e respostas, favorecendo uma assimilação objetiva e prática por um maior número de leitores, encontramos neste livro mensagens de religiosidade, assuntos sobre seres humanos, planetas, envolvendo por vezes relatos sobre futuros imediatos e também longínquos, outras vezes contemporâneos, mas ainda desconhecidos, porém, iluminados com energias siderais.
Palavras desconhecidas poderão ser encontradas nas mensagens, desafiando e motivando a imaginação de cada leitor, abrindo suas mentes e forçando a busca, dentre as diversas alternativas possíveis, por aquela que sua reflexão orientou como sendo a mais coerente, justa, melhor naquele momento e capaz de resultar em solidários benefícios para serem compartilhados em nosso mundo.
Nivaldo G. Oliveira

ENTREVISTA

Olá Sueli. É um prazer contar com a sua participação no Portal do Escritor.

Do que trata o Livro? Como surgiu a ideia de escrevê-lo e qual o público que se destina a obra?
Vicente Camerano nasceu em Barra do Piraí, estado do Rio de Janeiro, em 23 de dezembro de 1930 e por lá viveu sua juventude. Aos 23 anos casou-se com Heda e mudou-se para a capital de São Paulo, que adotou como sua terra natal, sem jamais esquecer suas origens fluminenses.
Com muito trabalho e sacrifício, conseguiu vencer na cidade grande, trabalhando quase que a vida inteira na indústria automobilística, como a Simca, depois a Chrysler, e finalmente a Volkswagen.
Por volta dos 55 anos, começou a receber mensagens que ele dizia vir de um anjo, em forma de letras de músicas, poesias, conselhos, e por fim em forma de texto contínuo que originou esta obra. Demorou muitos anos para ficar pronta, já que ela vivia em repetidos processos de revisão. Pouco antes de falecer, notava-se a preocupação do autor em publicar este livro, porque, dizia ele, diversas previsões recebidas há algum tempo estavam acontecendo realmente. Mas não foi possível. Camerano, como era mais conhecido entre os amigos, veio a falecer em setembro de 2012, durante o princípio das negociações para a publicação. Desejamos que, esteja onde estiver, ele possa curtir e ver realizado talvez seu último desejo.
Sueli Camerano.

Fale de você e de seus projetos no mundo das letras. É o primeiro livro de muitos ou apenas o sonho realizado de plantar uma árvore, ter um filho e escrever um Livro?
Este é o primeiro e único livro de Vicente Camerano.

O que você acha da vida de escritor em um Brasil com poucos leitores e onde a leitura é pouco valorizada?
Um tanto solitária.

Como você ficou sabendo e chegou até a Scortecci Editora?
Indicação.

O livro merece ser lido? Por quê? Alguma mensagem especial para os leitores?
Este livro é mediúnico e foi ditado ao autor por um anjo. Nele estão contidos relatos e previsões relacionados ao mundo e aos seres humanos. Algumas das previsões já se concretizaram. Curtam o livro e fiquem atentos!

Maria Cristina Andersen
Blog do Escritor

Curta nossa página no Facebook
Facebook

Voltar Topo Enviar a um amigo Imprimir Home