MELOCROMÁTICA / Silvia Simone Anspach

O título deste livro de Silvia Simone Anspach aponta para a natureza de sua criação poética, feita de música e cor. Seus poemas, tecidos de tinta, sons, sangue e pó, condensam sua formação em (e paixão por) música, artes, literatura. E se embebem de logos (pensamento, razão, ideias), apreendendo sua formação como Doutora em Semiótica. Tudo para apreender o sentido (ou falta de sentido) da vida – sangue que poderia não significar nada além do pó de que viemos e para onde voltaremos, não fosse pela fé e pela ação daqueles que trabalham para um mundo melhor e mais belo – luminares tais como Martin Luther King, Irena Sendler, Van Gogh, Klimt, Portinari e outros - a quem sua estética presta uma justa homenagem. Imagens, sons, cores, pensamento, fé e descrença tingem seus poemas, talhados com a maestria de quem conhece e ama a magia das palavras.

O exímio domínio da palavra faz com que sua voz forte, instigante, se torne, em sonoridades insuspeitadas, ondas de doces emoções, envolvendo o leitor em pura magia e beleza! Sua arte! A música e o Belo em seus textos e poemas, e o dom de enlevar o leitor são os instrumentos desta densa poeta, Silvia Simone Anspach!
Tânia Diniz - escritora e editora, idealizadora do Mural Mulheres Emergentes

Os poemas de Silvia Simone Anspach fazem com que a reta do tempo se torne sensualmente curva, se debruce e se dobre sobre si mesma, subvertendo a ordem das coisas e nos levando, vertiginosamente, de encontro ao tempo poético. “Desmembro o ano até / Dezembro”: a sinuosidade de um Calendário em ré instaura a temporalidade do mito, na medida em que volta a um início atemporal, porque transfigurado: “Já nu, declamo o ano à ré: / Dezembro...”
Lúcia Fabrini de Almeida - escritora e doutora em Comunicação e Semiótica

Doutora em Comunicação e Semiótica, Mestre em Lingüística Aplicada, Especialista em Psicologia Analítica, Psicanalista, Bacharel em Letras. Foi Visiting Scholar (Fulbright) na UNC – EUA. Autora dos livros Entre Babel e o Éden (AnnaBlume / FAPESP); Arte, cura, loucura (AnnaBlume), Melosofia (Mulheres Emergentes); A psique e a religião (coautoria e org. - M. E.); Patches and sketches / Cacos e trapos (M. E.), A última esquina do tempo (Scortecci), além de vários textos publicados em periódicos e livros no Brasil e no exterior.

Serviço:

Melocromática
Poemas de Tinta, Sons, Sangue e Pó
Silvia Simone Anspach
Scortecci Editora
Poesia
ISBN 978-85-366-5514-7
Formato 14 x 21 cm 
116 páginas
1ª edição - 2018
Preço: R$ 40,00

Voltar Topo Enviar a um amigo Imprimir Home