O ÚTIL, O INÚTIL E A LITERATURA / Gastão Rúbio de Sá Weyne

Vale lembrar que Mario Vargas Llosa, ao receber o prêmio Nobel em 2010, afirmou que um mundo sem literatura se transformaria num mundo sem desejos, sem ideais, sem desobediência, um mundo de autômatos privados daquilo que torna humano um ser humano: a capacidade de sair de si mesmo e de se transformar em outro, em outros, modelados pela argila dos nossos sonhos. Essa afirmação lapidar de Mario Vargas Llosa traduz a ideia que norteia os objetivos deste trabalho de pesquisa, mostrados no seguinte roteiro que visa satisfazer os objetivos deste livro. Seu conteúdo obedecerá à sequência a seguir mostrada:

Introdução;
Capítulo I: Uma incursão do útil ao inútil;
Capítulo II: Principais livros de literatura pura (clássicos da literatura mundial);
Capítulo III: Algumas obras literárias que transformaram o mundo;
Capítulo IV: Conjecturas e reflexões;
Referências.

Quando se lança um olhar para o mundo capitalista atual, no qual a lógica do dinheiro domina tudo, a única coisa que não pode ser comprada é o saber. Os saberes, como a música, a literatura, a filosofia, a arte, ensinam a importância da gratuidade. A dignidade humana está associada à capacidade das pessoas de abraçar os grandes valores humanos, como a solidariedade, o amor pela justiça, o bem-estar. Por outro lado, quando se pesquisa a utilidade do amor, constata-se ser ele inteiramente inútil, como a vida. Ambos não têm utilidade. Quando se diz que o amor e a literatura são coisas inúteis, tudo indica que se trata de uma afirmação verdadeira, mesmo nos tempos atuais em que as mentes andam impregnadas de utilitarismo. E, como característica deste livro, a literatura assim considerada é pura, nobre e altruísta, repleta de sentimentos e de encantos, ou seja, é grande em si mesma. Logo, não necessita ser útil.

GASTÃO RÚBIO DE SÁ WEYNE, de formação multidisciplinar, é Tenente-Coronel Reformado do Exército e sofreu repressão durante a ditadura militar. Vem dedicando a maior parte de sua vida ao ensino e à pesquisa em três áreas: 1) DIREITO E LITERATURA – É Advogado e Bacharel em Direito (FDUSP) e Doutor em Filosofia do Direito (FDUSP); 2) ENGENHARIA QUÍMICA – É Engenheiro Químico pelo IME-RJ; Mestre, Doutor e Livre-Docente em Engenharia Química (EPUSP); Pós-Doutorado em Design Projects pelo University College de Londres; 3) MATEMÁTICA – É Bacharel e Licenciado em Matemática (Instituto de Matemática e Estatística – USP) e Doutor em Educação Matemática pela PUC-SP. É Professor Associado, aposentado, do Departamento de Engenharia Química da EPUSP. Foi Professor Titular das seguintes instituições de São Paulo: PUC-SP, Universidade Mackenzie-SP (onde foi Diretor da Escola de Engenharia), Fundação Armando Álvares Penteado – FAAP-SP (Titular Pleno), Faculdades Oswaldo Cruz-SP e Faculdade de Medicina do ABC-SP, onde concluiu Livre-Docência em Operações Unitárias na Indústria de Medicamentos e Alimentos. Foi um dos fundadores e Coordenador do Curso de Direito da Unipalmares-SP, além de Professor Titular nesta instituição por cerca de 5 anos. É Advogado e Perito da Justiça Federal de Campinas-SP há mais de 40 anos. Publicou mais de 60 livros, escreveu mais de 100 artigos em revistas e participou de mais de 50 congressos. Formou mais de 10 pesquisadores (Mestres e Doutores) na Escola Politécnica da USP. É Grande Inspetor Geral da Maçonaria (grau 33). É violonista, lançando diversos CDs e um álbum com 19 músicas de sua autoria, publicado pela Editora Irmãos Vitale, de São Paulo. É Membro Efetivo da Academia Luso-Brasileira de Letras-RJ, da União Brasileira de Escritores-SP, da União Brasileira de Compositores-SP e da Ordem dos Músicos do Brasil-SP.

Serviço:

O Útil, o Inútil e a Literatura
Uma Análise Crítica
Gastão Rúbio de Sá Weyne

Scortecci Editora
Crítica Literária
ISBN 978-85-366-5443-0
Formato 14 x 21 cm  
100 páginas
1ª edição - 2018
Preço: R$ 20,00

Voltar Topo Enviar a um amigo Imprimir Home